Somos ponte ao artesanato brasileiro, transformando nossa jornada em arte e design.  Trazemos produtos únicos por sua história, para que sua casa também tenha uma. Somos arte, somos movimento, exploramos. A busca pela inédita combinação é nossa essência.

Luminárias de palha: atmosfera de aconchego na decoração, preparamos um post muito legal para trazer para vocês um pouco dessa atmosfera de aconchego e de como é possível criar com decoração afetiva com as luminárias de palha.  

 

 

Se você ama decoração afetiva, já sabe que os detalhes fazem toda a diferença.
Principalmente ao escolher itens feitos à mão, a partir de matérias primas naturais. 
Assim, imagine quando a cereja do bolo é levar todo o aconchego de uma iluminação charmosa feita com luminárias de palha?!
Então, vem descobrir as peças que são as queridinhas da vez.

ILUMINAR COM PALHA – A CASA E A ALMA

Escolher uma luminária de palha para o seu ambiente, vai muito além de ter uma peça que não passa despercebida por toda a sua beleza e originalidade.

Visto que é também sobre um propósito maior.
Por exemplo, é sobre o desejo de nos conectarmos com a natureza, de maneira sustentável e valorizando o artesanato brasileiro.
Assim como também é uma maneira de nos aterrarmos à realidade e ao momento presente – em tempos tão acelerados.
Ou seja, é como se fosse um lembrete para nos atentarmos mais ao que é essencial: alma e natureza.

 

Somos apaixonadas pela decoração do Restaurante Juá.
Utilizaram uma composição de luminárias indígenas sobre a mesa.
O resultado ficou encantador.
Veja mais luminárias de palha aqui

VARANDAS QUE CONVIDAM PARA BONS MOMENTOS

Seja em belos quintais ou nos modernos apartamentos com suas varandas gourmet, enfim, temos visto cada vez mais os nossos lustres de palha ganhando a cena.
Assim, elas fazem parte de projetos que são verdadeiras jóias.
Dessa forma, as composições de luminárias Retrobel ganharam o coração dos arquitetos.
Assim como o de pessoas que estejam buscando criar uma atmosfera convidativa para o ambiente mais querido de casa.  

 

Projeto de iluminação para varanda externa da pousada Vila Baru.
Aqui, a composição de luminárias de palha foi criada com exclusividade pelo atendimento personalizado Retrobel.
Trouxe leveza e sofisticação para o espaço.
Veja mais luminárias de palha aqui

LUMINÁRIAS DE PALHA NO SEU QUARTO

O quarto é o nosso refúgio.
Por isso, é amparo, fortaleza.
Em síntese, é o lugar mais nosso de todos os nossos lugares!
Assim, por que não deixar ele com a cara do afeto e do amor que a gente merece?
Então as luminárias de palha são perfeitas para criar uma atmosfera intimista e tranquilizante.
Ou seja, sensações perfeitas para acompanhar o nosso merecido descanso 🙂

 

Luminária de palha pendente Retrobel usada no quarto.
Um bom exemplo de decoração boho.
As plantas dão o toque final.
Aconchego e afeto nesse ambiente.
Veja mais luminárias de palha aqui

SOBRE(A)MESA 🙂

Tá aí o ambiente que mais costuma receber as luminárias de palha Retrobel!
Em outras palavras, foi um longo período em que nos vimos isolados.
Então, poder receber aqueles que amamos em volta de uma mesa é algo de muito valor!
Assim, as luminárias de palha dão o toque de aconchego e afeto que esses momentos merecem.

 

O trio de lustres de palha da sala de jantar.
Veja mais luminárias de palha aqui

É PALHA, É EXCLUSIVA E É DO BRASIL

Optar por decorar a casa com itens artesanais, assim como as nossas luminárias de palha, é fortalecer o trabalho de artesãos(ãs) de diversas partes do Brasil.
Assim como também fomentar o mercado de arte e artesanato popular brasileiro.
Dessa forma, contribuir com o sustento dessas famílias e com um mundo mais sustentável.

Na foto, a querida Alê Sisdelli, artesã pareceira do Retrobel.
Aqui ela mostra uma luminária da sua Coleção Cápsula. Veja toda a coleção aqui

Veja mais sobre luminárias também nesse outro post super especial que fizemos clicando aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

 

Ítala/Sergipe

A força das mulheres do artesanato brasileiro que fazem parte do que é a arte e o artesanato brasileiro.

Acreditamos muito na potência do criar com as mãos. Acreditamos tanto, que construímos os nossos sonhos tendo como premissa valorizar o trabalho de artesãs e artesãos de todo o Brasil.

Neste 8 de março, queremos enaltecer o trabalho das mulheres que fazem parte da nossa rede de produtoras, que encontraram no artesanato um forte aliado na conquista de seu empoderamento.

É por meio do trabalho artesanal que muitas mulheres estão se inserindo no mercado de trabalho, tendo a  sua mão de obra valorizada e podendo construir uma nova realidade social para elas e suas famílias.

Assumindo seu papel na economia e na sociedade, passam a unir suas potencialidades, auxiliam umas as outras, tornando-se agentes da erradicação da desigualdade com seu empreendedorismo e trabalho.

Que alegria poder contribuir com o fomento de uma cultura de mulheres que  definem caminhos diretos para a igualdade de gênero e o crescimento econômico inclusivo!

Para nós, o 8 de março é uma data reflexiva: tanto para seguirmos em busca da equidade quanto para celebrar as conquistas dessas mulheres que nos inspiram a buscar os nossos sonhos todos os dias!

Destacamos aqui o trabalho dessas mulheres maravilhosas que fazem parte da nossa rede de produtoras, (a vontade era de apresentar a vocês todas elas, mas não caberia nesse espaço) para que, assim como nós, você também possa se inspirar com a força e o talento delas.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ETNIA BARÉ

 

Com uma trajetória marcada por muita luta e resistência, a etnia Baré é formada por diferentes povos que habitam a fronteira do Brasil com a Venezuela e que retiram da Piaçaveira a matéria prima para a confecção de produtos tanto de uso popular quanto para comercialização.

O trabalho com a Piaçava foi ressignificado por esse população que teve gerações marcadas por trabalho análogo à escravidão na colheita da piaçava para atender a indústria da vassoura e, que hoje, faz essa atividade através do comércio justo e sustentável econômica e socialmente.

A Piaçava, assim como muitas plantas, possui um ciclo anual de crescimento e colheita, por isso que a retirada sustentável é essencial para a preservação dessa e de outras espécies no habitat amazônico.

Como forma de organizar e otimizar a geração de renda a partir do artesanato de piaçava, em 2012, foi criado o Núcleo de Arte e Cultura Indígena de Barcelos (NACIB) com o objetivo de abrir mercado para este artesanato, proteger famílias e comunidades em situação de vulnerabilidade local devido ao trabalho análogo à escravidão ainda presente na região.

Atualmente, o NACIB é reconhecido como um modelo de referência para outras comunidades e tem apoio do SEBRAE.

NACIB

 

O trabalho com a Piaçava foi resinificado por esse população que teve gerações marcadas por trabalho análogo à escravidão na colheita da piaçava para atender a indústria da vassoura e, que hoje, faz essa atividade através do comércio justo e sustentável econômica e socialmente.

A Piaçava, assim como muitas plantas, possui um ciclo anual de crescimento e colheita, por isso que a retirada sustentável é essencial para a preservação dessa e de outras espécies no habitat amazônico.

O Núcleo de Arte e Cultura Indígena de Barcelos (NACIB), nascido em 2012, na região de Barcelos, no Amazonas, nasceu da união de etnias indígenas que desejavam valorizar o comércio e a produção dos seus artesanatos familiares.

Criar novas conexões no mercado, fazer a divulgação, estruturar a parte burocrática e muito mais ações foram os objetivos iniciais do núcleo e, hoje, mais do que nunca, lutam pela preservação de sua cultura e pela valorização do artesanato tradicional indígena.

Como forma de organizar e otimizar a geração de renda a partir do artesanato de piaçava, em 2012, foi criado o Núcleo de Arte e Cultura Indígena de Barcelos (NACIB) com o objetivo de abrir mercado para este artesanato, proteger famílias e comunidades em situação de vulnerabilidade local devido ao trabalho análogo à escravidão ainda presente na região.

Antes do Núcleo ser criado, o comércio dos artesanatos não era feito de forma justa e economicamente sustentável para os artesãos.

Trabalhando em capacitação de negócios e até mesmo no acabamento final do produto, o NACIB proporcionou à essas famílias artesãs reconhecimento cultural e geração de renda, além de manter vivos os saberes indígenas ancestrais de artesanato em palha

Veja aqui outros modelos de Arte Indígena!

Ficou com dúvida? Clique aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Composição de cestarias para parede: tudo o que você precisa saber!

 

Você já está até sonhando com composições de parede de tanto que você já pesquisou e salvou referências, mas ainda não conseguiu decidir qual modelinho seria o melhor para sua decoração. Sabemos que a escolha não é simples e estamos aqui pra te ajudar com esse post! 

Mas, afinal, como escolher a melhor composição de parede para você e para o seu espaço?

 

1. O primeiro passo é definir o LOCAL onde você deseja uma decoração diferenciada.

As Composições de parede marcam presença em qualquer cômodo, então, o importante é você pensar se os locais escolhidos têm as condições necessárias pra ter uma decoração de palha. Nesse momento, também é importante analisar o tipo de revestimento da parede e se ele aceita melhor pregos ou fita dupla face. Caso o revestimento seja de porcelanato, por exemplo, não indicamos usar pregos, pois além de danificar a pedra, o material do porcelanato é altíssima resistência e quase impossível de bater com um preguinho. A mesma ideia serve para tijolinhos aparentes, pois, devido ao seu material quebradiço, é muito comum acontecer uma lasca no tijolo e o furo não ficar adequado. Outra questão importante para levar em consideração é sobre a limpeza das peças, por isso, sempre indicamos para evitar colocar as peças de palha perto de fogão, forno, churrasqueira e locais que possam acumular gordura e que tenham acesso à faíscas.

Como todas as peças são feitas de algum tipo de palha ou material natural, a sua durabilidade e beleza dependem muito do cuidado que você dará à elas. O local ideal para você ter uma Composição de parede sem ter dor de cabeça é sempre um local protegido de chuva, umidade e sol pleno, ou seja, em área externa, somente se ela for coberta e protegida.

2. O segundo passo é tirar as MEDIDAS do local escolhido.

Para esse passo, você precisará apenas de uma trena ou de uma régua. Tendo as medidas em mãos, fica muito mais fácil de escolher o melhor modelo que se encaixa no seu perfil. Descrevemos alguns exemplos para você ver as melhores opções na hora de tirar as medidas:

Apesar de parecer simples, esse é um dos passos mais importantes, pois é ele que vai te ajudar a deixar seu espaço mais harmônico. Pensando nisso, todas as Composições de parede Retrobel estão com as medidas de cada peça e também com a medida total de cada composição, tanto em altura quanto em comprimento!

  • Se a ideia for colocar em cima de um aparador, por exemplo, meça o comprimento dele e também o comprimento total da parede. Essas duas medidas servem para comparar o tamanho do móvel em relação ao cômodo, o que ajuda muito na hora de pensar as proporções que desejamos ter no visual total do ambiente. Ou seja, se seu aparador tem 1 metro de comprimento e sua parede tem 3 metros, o tamanho da composição vai depender do que você pretende criar de impacto visual. Por exemplo, caso você deseje uma composição mais discreta e minimalista, que não se sobressaia muito na decoração, o ideal é escolher uma composição que não ultrapasse as medidas do aparador. Por outro lado, caso você queira preencher bastante sua parede com uma composição que seja a marca registrada do seu cômodo, o tamanho ideal da composição seria de 1,5 a 2 metros de comprimento, pois assim ela terá um apelo estético melhor sem sobrecarregar a estética final.
  • Para pilares e paredes estreitas, onde o espaço disponível é reduzido e limitado, as medidas necessárias serão o comprimento e a altura total desse espaço, pois, dessa forma, é possível ter uma noção completa do tamanho das peças que se encaixarão melhor e ficarão mais harmônicas. Nesses casos, temos que pensar nas proporções e, às vezes, é necessário escolher entre uma composição que tenha poucas peças, mas que sejam de tamanho médio a grande, ou escolher uma que tenha mais peças, porém com peças menores.

 

3. O terceiro passo é, finalmente, escolher qual modelo de Composição de parede se encaixa mais no seu estilo e no seu orçamento.

O terceiro passo é entrar no nosso site e procurar uma Composição que se encaixe no seu estilo e também no seu espaço. Deixamos tudo com as medidas certinhas de cada Composição de parede pra facilitar a sua escolha.

E, se você quiser um extra, existe um quarto passo que você pode colocar em prática.

Caso você tenha gostado muito de uma composição, das cores dela, do formato, do estilo das peças, mas o tamanho dela não dará certo para o seu espaço, você também tem a opção de chamar a gente no WhatsApp para montarmos uma Composição personalizada pra você.

As Composições de Cestaria Personalizadas Retrobel são feitas com estratégia de peças, harmonização de cores, balanceamento de texturas, tudo para ficar perfeito e encaixadinho no seu devido lugar. E tudo isso levando como prioridade os gostos, as necessidades, o estilo e os sonhos de cada um dos nossos clientes. Sabemos que lidamos diariamente com sonhos e, por isso, fazemos nosso melhor e nos desdobramos para deixar esses momentos inesquecíveis pra vocês. 

Dicas de conservação e limpeza:

  • Por ser de palha desidratada, não é indicado o uso em áreas expostas à chuva e à umidade.
  • Para a limpeza, indicamos o uso de pano seco ou aspirador de pó para a retirada de poeira e, caso necessário, pode-se utilizar uma pequena escova de cerdas finas para acabamento.
  • Em caso de líquidos caírem nas peças, limpar localmente com um pano úmido (apenas água) e secar ao sol.

Aumentamos nosso time de Consultoras de vendas online e as Composições personalizadas estão a todo vapor por aqui! Além de todo o carinho e atenção que nossas consultoras dão a cada cliente, elas também fazem as famosas Composições personalizadas do Retrobel!

Clique AQUI para ter uma Composição Personalizada!

Veja AQUI mais modelos de Decoração de Parede!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Luminárias de Palha para Iluminar todos os ambientes

 
As luminárias de palha que são o puro charme e indispensáveis no quesito decoração afetiva.

Além de darem um toque artesanal super aconchegante, as luminárias são grandes aliadas na hora de harmonizar o ambiente através da iluminação. 💡✨

 
Todos sabemos da importância da iluminação no projeto de decoração, sobre como é possível criar uma atmosfera super aconchegante e convidativa através das luzes ambientes.

Nós temos várias opções para de luminárias de palha para você escolher a que mais combina com você e com o seu ambiente.

 
NO BANHEIRO:
Em um cantinho para trazer charme ou como iluminação principal, são super bem vindas em lavabos, ou banheiros sem área de banho ativa, de todos os estilos!

 
NA SALA:
Você pode apostar em uma luminária ou em composições!

As Composições de Luminárias Retrobel são feitas com estratégia, harmonização de tamanhos, balanceamento de texturas, tudo para ficar perfeito e encaixadinho no seu devido lugar.

 
NA VARANDA :
As aramadas são as queridinhas do momento! Robustas, imponentes e cheias de charme, vêm em vários modelos e tamanhos para compor qualquer!


 
NO QUARTO: Iluminação principal ou secundária por exemplo em cima dos criados. Em ambas as opções pode-se ver como elas ficam lindas e como podem ser versáteis quando o assunto é iluminar. 

Aumentamos nosso time de Consultoras de vendas online e as Composições personalizadas estão a todo vapor por aqui!

Além de todo o carinho e atenção que nossas consultoras dão a cada cliente, elas também fazem as famosas Composições de Luminárias personalizadas do Retrobel!

Clique AQUI para ter uma Composição de Luminárias Personalizada!

Veja AQUI mais modelos de Luminárias!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tendências de Decoração para 2022

É época das famosas Feiras e Mostras de Decoração pelo Brasil!

Quem está acompanhando as Feiras e Mostras de Decoração acontecendo nas principais capitais do país se deparou com ambientes que são a verdadeira cara do que vamos ver no cenário da decoração nacional em 2022! E, ficamos muito felizes de ver que o que trabalhamos desde 2019 é, sim, tendência e vem ainda mais forte no próximo ano! 

O ESTILO BOHO DOMINOU OS STANDS 

Plantas, materiais naturais, formas orgânicas, cores em tons terrosos e muitas peças artesanais, feitas à mão e que contam verdadeiras histórias sobre suas origens.

A decoração no Estilo Boho vem crescendo como tendência desde 2019 no cenário mundial e, agora em 2022, promete ser uma verdadeira febre no mercado brasileiro! O estilo Boho, por si só, é um conceito de decoração que expressa aconchego e fluidez aos ambientes, principalmente devido às formas orgânicas e aos materiais naturais usados nos objetos e no mobiliário. Ao mesmo tempo, a sofisticação e a elegância acompanham de perto todos esses ambientes ao trazer para o estilo de decoração a importância do design e da estética.

Luminárias e Mobiliário em Vime do Retrobel

Peças de decoração na fibra de Rattan estão marcando muita presença nas feiras e mostras em geral, pois além de terem uma estética maravilhosa, as fibras de Rattan são super duradouras e resistentes! O Rattan é uma fibra retirada de várias espécies de árvores de origem asiática, mas a ótima notícia é que o Brasil possui o VIME, uma fibra também muito linda e resistente, além de ser 100% brasileira e ser trabalhada também por mãos brasileiras!

COMPOSIÇÕES DE PAREDE: AS QUERIDINHAS DE  2022

Desde 2019, o Retrobel tem o privilégio de ter em sua curadoria as (agora) famosas Composições de parede e é, simplesmente, incrível ver que nossa aposta estava mais certa do que nunca! Essa tendência mundial de decorar as paredes com produtos inusitados como cestarias, por exemplo, chegou com muita força no Brasil e promete ficar em 2022, diversificando em materiais, texturas e até em estilos de decoração. Do industrial ao naturalista, as composições de parede são capazes de abraçar os ambientes e dar o toque final à decoração. seja em palha (como nós amamos) ou metal, uma das grandes apostas também para o ano que vem!

Que o Retrobel é especialista em Composição de parede todo mundo já sabe, mas que isso virou tendência nacional ainda estamos nos acostumando.

Composição de parede Retrobel no estilo Industrial de decoração. Foto: acervo pessoal Retrobel.

Composição de parede Retrobel no estilo Clássico de decoração. Foto: acervo pessoal Retrobel.

Composição de parede Retrobel no estilo Contemporâneo de decoração. Foto: acervo pessoal Retrobel.

LUMINÁRIAS DE FIBRA NATURAL SÃO A APOSTA PARA 2022

A etapa da iluminação é, com certeza, uma das mais importantes do projeto e da decoração, pois é o toque que vai proporcionar as sensações que temos ao entrar no ambiente. O formato das luminárias, a abertura do ponto focal, a abertura das tramas, tudo isso vai influenciar diretamente no resultado final da ambientação e a aposta para 2022 são as luminárias de tramas mais vazadas e feitas com materiais naturais, como palha e outras fibras, por exemplo.

Composição de luminárias Retrobel no estilo Contemporâneo de decoração. Foto: acervo pessoal Retrobel.

Composição de luminárias Retrobel no estilo Clássico de decoração. Foto: acervo pessoal Retrobel.

As Luminárias de palha do Retrobel já se tornaram uma das nossas marcas registradas e são um dos nossos xodós por aqui! São vários modelos e tamanhos diferentes pra você escolher qual é o melhor pro seu ambiente e poder fechar a decoração com chave de ouro! As Luminárias Aramadas do Retrobel são todas feitas à mão, da estrutura ao trançado de palha, e foram desenvolvidas aqui no Brasil pela nossa diretora criativa de produtos junto com o mestre artesão. São co-criações que significam muito tanto para nós que é um enorme prazer vermos nossos modelinhos na decoração de cada um de vocês!

Sempre fomos apaixonadas por transformar os sonhos de decoração em realidade e as Luminárias Aramadas Retrobel são uma das nossas grandes realizações nesse sentido. Ficamos muito felizes de trazer pra vocês modelos de luminárias diferenciados, com qualidade e que fomentam o mercado artesanal. Além de andar lado a lado com as referências mundiais de decoração, a Curadoria Retrobel é super dinâmica, cheia de peças inovadoras que ressignificam utilitários transformando-os em itens sofisticados de decoração!

Por fim, as Feiras e Mostras de Decoração 2022 trouxeram referências cada vez mais naturalistas e orgânicas, uma busca pela proximidade com a natureza e também pelo aconchego do lar. Os materiais naturais têm esse potencial de transformar os ambientes em ambientes acolhedores e relaxantes, uma busca que tem sido cada vez mais presente e importante para nosso momento nacional e mundial.

 

Feitos sob o calor de nossas MÃOS e Significativos em cada DETALHE.
.
Retrobel, uma curadoria de produtos escolhidos a dedo para transformar todos os sonhos de decoração em realidade!
.
Inspire-se na realidade criada pelo Retrobel

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Arte e artesanato Indígena: Etnia Baniwa

 

Sem dúvida, a Cestaria Baniwa é um charme a parte e as peneiras indígenas Baniwa são peças bem versáteis! Podem ser usadas tanto em composições de parede quanto em cima de aparadores servindo como cesto e também compondo a decoração em nichos. A Cestaria Baniwa tem um significado muito grande pra nós, pois foi a primeira vez que tivemos contatos com produtos e peças indígenas.

Por serem feitos de materiais naturais, os Balaios harmonizam perfeitamente com uma decoração mais intimista e naturalista, onde elementos completamente diferentes podem se misturar e formar composições únicas e incríveis! Objetos de palha, flores secas e até peças antigas que carregam forte lembrança afetiva são capazes de deixar seu ambiente bem aconchegante e original.

 

Arte Baniwa: cultura, autonomia e sustentabilidade

 

A cultura Baniwa reúne um complexo cultural de mais de 20 povos indígenas diferentes, que vivem majoritariamente à margem dos rios, na fronteira do Brasil com a Colômbia e Venezuela. Tradicionalmente, os balaios são utilizados pelos povos Baniwa de diversas formas: para armazenamento de alimentos, para presentear seus pares em rituais e até para oferecer como cesta de alimentos.

O projeto Arte Baniwa nasceu através da parceria de três organizações* sob demanda das próprias comunidades indígenas do Alto do Rio Negro, com o intuito de proporcionar maior autonomia financeira e social às comunidades. Através do projeto Arte Baniwa, os artesanatos são comercializados diretamente com os artesãos responsáveis, mantendo todo seu  valor cultural e ambiental agregado preservados.

 

 

A comercialização dos artesanatos através dessa parceria implica uma profunda mudança no modo como os artesãos se inserem nesse processo e, atualmente, a Arte Baniwa representa uma alternativa econômica viável e sustentável para a preservação dessas comunidades e também da floresta.

Como exemplo, os artesanatos Baniwa só são produzidos nas horas em que não estão dedicando seus esforços e trabalhos em prol da aldeia, ou seja, o processo artesanal não é feito em escala massificada e o tempo de produção varia de acordo com os afazeres da população. *Organização Indígena da Bacia do Içana (Oibi), a Federação de Organizações Indígenas do Rio Negro (Foirn) e o Instituto Socioambiental (ISA)

 

Matéria prima da Arte Baniwa

 

São diversas espécies de plantas utilizadas para os artesanatos Baniwa, mas, popularmente, são chamadas de “arumã”. Uma de suas mais importantes características é seu potencial de crescimento em áreas que sofreram perturbações ecológicas e possuem solo pobre em nutrientes.

O processo artesanal dos Baniwa é completamente dependente do arumã e, assim, esses povos aprenderam a fazer sua coleta sem comprometer o crescimento e propagação dos arumãs, ou seja, estabeleceram um ciclo fechado e sustentável com essas plantas. Viver sob tais práticas diz muito sobre os significados e os usos dos artesanatos, que também são usados pela população local para a realização das tarefas diárias. Tradicionalmente, os artesanatos de fibra de arumã são feitos (da colheita ao trançado das fibras) pelos homens das aldeias enquanto que são mais utilizados pelas mulheres no processamento e armazenamento dos alimentos.

Veja aqui outros modelos de Arte Indígena!

Ficou com dúvida? Clique aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Arte e artesanato Indígena: Etnia Yanomami

Inspire-se diariamente na sua própria decoração com artesanato indígena!

Inserir Arte Indígena Brasileira na decoração vai muito além de colecionar e expor tais ornamentos e artefatos. Acreditamos que objetos poderosos de significado e simbolismo são capazes de nos trazer de volta a percepção para o que é essencial e que, muitas vezes, nos escapa na corredia do dia a dia. Confiamos tanto nessa ideia que, para nós, o artesanato indígena é como um objeto de poder que nos aterra à realidade e ao momento presente, sendo uma lembrança constante de que, às vezes, é necessário parar e nos voltar para o que nos é essencial, família, corpo, alma e natureza.

A cestaria Yanomami é essencialmente produzida pelas mulheres, desde a coleta do cipó até o trançado, sendo que as técnicas de cada processo são passadas de geração em geração nas comunidades. Tais peças, além de serem atualmente dedicadas à comercialização, são de uso local, seja na colheita, na pesca e no armazenamento dos alimentos. Os Yanomamis formam um dos maiores grupos indígenas da América do Sul e do Brasil, estando estabelecidos no norte do país e no sul da Venezuela. A etnia Yanomami abrange tantas pessoas e um território tão grande que sabe-se de, pelo menos, quatro subgrupos que falam línguas com a mesma raiz linguística e cultural.

Com certeza você vai se apaixonar pela cestaria Yanomami

 

As peças de artesanato são produzidas respeitando os modos de vida na floresta, fortalecendo o conhecimento tradicional do povo e usando recursos sustentáveis. Desde a coleta das matérias primas até à produção de cada peça, a cultura e o saber Yanomami são respeitados. São dias para produzir um único cesto, além de toda a sabedoria e conhecimento para se encontrar as matérias primas nos locais adequados.

 

DECORANDO COM ARTE INDÍGENA BRASILEIRA

É quase impossível que uma peça artesanal indígena passe despercebida na decoração! A riqueza de detalhes impressiona quem tem o prazer de estar em contato com esse tipo de artesanato e o pensamento “como fizeram isso?” é quase inevitável. Significado, capricho, carinho e dedicação estão impressos em cada peça e, também por isso, que as mesmas aparecem sempre em posição de destaque nas decorações.

Conhecendo um pouco da cultura e da história dos povos nativos do Brasil já nos deparamos com uma das crenças mais difundidas e significativas para centenas de grupos: a crença Ticuna, que fala sobre a conexão entre a natureza e os povos. Esta conexão com a natureza se materializa nas expressões artísticas de cada etnia, sejam nos trançados de palha, nos grafismos, nas cores e até nas peças utilitárias.

As peças que hoje são utilizadas também como itens de decoração são, em sua essência, itens de uso cotidiano dos povos. Hoje, tais peças ganharam significados para além do uso dos próprios indígenas, ou seja, é um enorme privilégio estar em contato com tais artefatos e, para quem não é indígena, é uma maneira de manter viva a cultura e história do nosso país.

 

Veja aqui outros modelos de Arte Indígena!
Ficou com dúvida? Clique aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Arte Indígena: Cores, Simbolismo e Diversidade

Inserir Arte Indígena Brasileira na decoração vai muito além de colecionar e expor tais ornamentos e artefatos. Acreditamos que objetos poderosos de significado e simbolismo são capazes de nos trazer de volta a percepção para o que é essencial e que, muitas vezes, nos escapa na correria do dia a dia. Confiamos tanto nessa ideia que, para nós, o artesanato indígena é como um objeto de poder que nos aterra à realidade e ao momento presente, sendo uma lembrança constante de que, às vezes, é necessário parar e nos voltar para o que nos é essencial, família, corpo, alma e natureza.

Para muito além da estética, cada peça carrega consigo um pouco do patrimônio cultural indígena brasileiro. Cada grafismo, trançado, desenho e entalhe possui um significado especial para cada artesão e para cada etnia, sendo possível, inclusive, identificar a região das populações indígenas por meio das técnicas utilizadas nas diferentes formas de artesanato que fazem.

Conhecendo um pouco da cultura e da história dos povos nativos do Brasil já nos deparamos com uma das crenças mais difundidas e significativas para centenas de grupos: a crença Ticuna, que fala sobre a conexão entre a natureza e os povos. Esta conexão com a natureza se materializa nas expressões artísticas de cada etnia, sejam nos trançados de palha, nos grafismos, nas cores e até nas peças utilitárias.

As peças que hoje são utilizadas também como itens de decoração são, em sua essência, itens de uso cotidiano dos povos. Hoje, tais peças ganharam significados para além do uso dos próprios indígenas, ou seja, é um enorme privilégio estar em contato com tais artefatos e, para quem não é indígena, é uma maneira de manter viva a cultura e história do nosso país.

Para muito além da estética, cada peça carrega consigo um pouco do patrimônio cultural indígena brasileiro. Cada grafismo, trançado, desenho e entalhe possui um significado especial para cada artesão e para cada etnia, sendo possível, inclusive, identificar a região das populações indígenas por meio das técnicas utilizadas nas diferentes formas de artesanato que fazem.

DECORANDO COM ARTE INDÍGENA BRASILEIRA

É quase impossível que uma peça artesanal indígena passe despercebida na decoração! A riqueza de detalhes impressiona quem tem o prazer de estar em contato com esse tipo de artesanato e o pensamento “como fizeram isso?” é quase inevitável. Significado, capricho, carinho e dedicação estão impressos em cada peça e, também por isso, que as mesmas aparecem sempre em posição de destaque nas decorações.

 

Veja aqui outros modelos de Arte Indígena!

Ficou com dúvida? Clique aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Composição de cestarias para parede: tudo o que você precisa saber!

 

Composição de cestarias para parede: tudo o que você precisa saber para ter sua Composição!

Você já está até sonhando com composições de parede de tanto que você já pesquisou e salvou referências, mas ainda não conseguiu decidir qual modelinho seria o melhor para sua decoração. Sabemos que a escolha não é simples e estamos aqui pra te ajudar com esse post!

Depois de namorar nossas Composição de parede no site, você deve ter se deparado com modelos, cores, tamanhos e uma variedade de estilos diferentes de Composição. Você já está até sonhando com composições de parede, já viu tudo, salvou referências e ainda não se decidiu. Mas, calma!! Sabemos que a escolha não é simples e estamos aqui pra te ajudar em 3 passos!

composição de parede

Cliente Carol Trindade

 

Mas, afinal, como escolher a melhor composição de parede para você e para o seu espaço?

 

1. O primeiro passo é definir o LOCAL onde você deseja uma decoração diferenciada.

As Composições de parede marcam presença em qualquer cômodo, então, o importante é você pensar se os locais escolhidos têm as condições necessárias pra ter uma decoração de palha. Nesse momento, também é importante analisar o tipo de revestimento da parede e se ele aceita melhor pregos ou fita dupla face. Caso o revestimento seja de porcelanato, por exemplo, não indicamos usar pregos, pois além de danificar a pedra, o material do porcelanato é altíssima resistência e quase impossível de bater com um preguinho. A mesma ideia serve para tijolinhos aparentes, pois, devido ao seu material quebradiço, é muito comum acontecer uma lasca no tijolo e o furo não ficar adequado. Outra questão importante para levar em consideração é sobre a limpeza das peças, por isso, sempre indicamos para evitar colocar as peças de palha perto de fogão, forno, churrasqueira e locais que possam acumular gordura e que tenham acesso à faíscas.

Como todas as peças são feitas de algum tipo de palha ou material natural, a sua durabilidade e beleza dependem muito do cuidado que você dará à elas. O local ideal para você ter uma Composição de parede sem ter dor de cabeça é sempre um local protegido de chuva, umidade e sol pleno, ou seja, em área externa, somente se ela for coberta e protegida.

2. O segundo passo é tirar as MEDIDAS do local escolhido.

Para esse passo, você precisará apenas de uma trena ou de uma régua. Tendo as medidas em mãos, fica muito mais fácil de escolher o melhor modelo que se encaixa no seu perfil. Descrevemos alguns exemplos para você ver as melhores opções na hora de tirar as medidas:

Apesar de parecer simples, esse é um dos passos mais importantes, pois é ele que vai te ajudar a deixar seu espaço mais harmônico. Pensando nisso, todas as Composições de parede Retrobel estão com as medidas de cada peça e também com a medida total de cada composição, tanto em altura quanto em comprimento!

  • Se a ideia for colocar em cima de um aparador, por exemplo, meça o comprimento dele e também o comprimento total da parede. Essas duas medidas servem para comparar o tamanho do móvel em relação ao cômodo, o que ajuda muito na hora de pensar as proporções que desejamos ter no visual total do ambiente. Ou seja, se seu aparador tem 1 metro de comprimento e sua parede tem 3 metros, o tamanho da composição vai depender do que você pretende criar de impacto visual. Por exemplo, caso você deseje uma composição mais discreta e minimalista, que não se sobressaia muito na decoração, o ideal é escolher uma composição que não ultrapasse as medidas do aparador. Por outro lado, caso você queira preencher bastante sua parede com uma composição que seja a marca registrada do seu cômodo, o tamanho ideal da composição seria de 1,5 a 2 metros de comprimento, pois assim ela terá um apelo estético melhor sem sobrecarregar a estética final.
  • Para pilares e paredes estreitas, onde o espaço disponível é reduzido e limitado, as medidas necessárias serão o comprimento e a altura total desse espaço, pois, dessa forma, é possível ter uma noção completa do tamanho das peças que se encaixarão melhor e ficarão mais harmônicas. Nesses casos, temos que pensar nas proporções e, às vezes, é necessário escolher entre uma composição que tenha poucas peças, mas que sejam de tamanho médio a grande, ou escolher uma que tenha mais peças, porém com peças menores.

 

3. O terceiro passo é, finalmente, escolher qual modelo de Composição de parede se encaixa mais no seu estilo e no seu orçamento.

O terceiro passo é entrar no nosso site e procurar uma Composição que se encaixe no seu estilo e também no seu espaço. Deixamos tudo com as medidas certinhas de cada Composição de parede pra facilitar a sua escolha.

E, se você quiser um extra, existe um quarto passo que você pode colocar em prática. Caso você tenha gostado muito de uma composição, das cores dela, do formato, do estilo das peças, mas o tamanho dela não dará certo para o seu espaço, você também tem a opção de chamar a gente no WhatsApp para montarmos uma Composição personalizada pra você. Estamos sempre pensando em como melhorar nossos processos e em como facilitar a escolha de uma obra de arte legitimamente brasileira pra sua decoração. Para falar conosco no WhatsApp, é só clicar no link que está na bio que terá uma opção direcionando para o nosso atendimento.

 

composição de parede
Cliente Carol Trindade

Nossas composições personalizadas são feitas com estratégia de peças, harmonização de cores, balanceamento de texturas, tudo para ficar perfeito e encaixadinho no seu devido lugar. E tudo isso levando como prioridade os gostos, as necessidades, o estilo e os sonhos de cada um dos nossos clientes. Sabemos que lidamos diariamente com sonhos e, por isso, fazemos nosso melhor e nos desdobramos para deixar esses momentos inesquecíveis pra vocês. 🙏

 

Chame nossas Consultoras no WhatsApp e venha fazer parte do time que tem uma composição personalizada e exclusiva pra chamar de sua!

 

_______________________________________________________________________________________
   ____________________________________

PARA SE INSPIRAR: Composição de Parede Retrobel em estabelecimentos

 

 

 

 

_______________________________________________________________________________________
   ____________________________________

Como cuidar da minha composição de parede?

 

A primeira coisa a se lembrar é que todas as peças são feitas de material natural e, portanto, o cuidado no manuseio delas é essencial. Para a limpeza cotidiana, o mais prático é usar espanador ou aspirador de pó para retirar a poeira superficial e também não é necessário retirar as peças da parede para fazer essa limpeza. Pode ser que elas caiam com algum toque um pouco mais forte, mas aí é só colocar de volta no lugar ou aproveitar para fazer outro modelo de composição.

Trate cada peça como a obra de arte que ela é.

 

Uma dica nossa pra vocês é a de usar pinceis! Aqui, no Retrobel, gostamos muito de usar pincéis de cerda macia também, porque as cerdinhas entram em lugares bem pequenos e, além disso, não machucam as peças. É super rapidinho de limpar, o pincel é uma ferramenta pequena que é fácil de guardar, tranquilo de manusear. Enfim, nosso xodózinho guerreiro do dia a dia!

Para todas as peças, é sempre importante lembrar de nunca deixá-las expostas à chuva, umidade ou em contato com água de alguma forma. A água em contato com a palha é absorvida pelas fibras, acaba inchando e modificando a forma final da peça, além de poder causar uma alteração na cor.

Outro cuidado importante é nunca usar produtos de limpeza pesada nas peças como, por exemplo, desinfetantes, produtos com álcool, desengordurantes e produtos ácidos.

Quando falamos de palha, o cuidado é redobrado e o carinho deve ser também! Quanto mais amor e zelo você colocar no manuseio dessas obras de arte, maior durabilidade elas terão. 😍

_______________________________________________________________________________________
   ____________________________________

Como instalar sua Composição?

 

Uma das maiores dúvidas de quem se interessa pelas Composições de parede é sobre a instalação e vamos tirar as 3 principais dúvidas aqui nesse post!

1. As peças vêm soltas ou a composição chega montada na minha casa?

As peças vão soltas por dois motivos: o primeiro motivo é puramente estratégico, pois, com as peças soltas, conseguimos trabalhar com mais transportadoras e com os Correios, que possuem limite de cubagem para os envios, além de deixar o valor do frete muito mais acessível. O segundo motivo é: com as peças soltas, há a possibilidade de mudar as mesmas de posição, criando outra composição ou até mesmo mais de uma com as mesmas peças!

Nem sempre a composição que criamos na nossa cabeça é a que se materializa na parede e foi, justamente nessa quebra de expectativa, que nasceram composições maravilhosas e memoráveis aqui no Retrobel. As Composições de parede que estão no nosso site, por exemplo, são modelos criados por nós, mas nada impede que você monte a sua própria composição quando as peças chegarem lindas e cheirosas até você! Estamos sempre recebendo fotos de clientes que usaram e abusaram da imaginação na hora de fazer a instalação e os resultados são sempre incríveis, afinal, o processo criativo de cada pessoa é único e, portanto, uma composição nunca sairá igual à outra (só se for uma reprodução mesmo).

2. Vou conseguir instalar sozinha (o)?

Com certeza!!!

Desde o comecinho do Retrobel, sempre incentivamos nossos clientes a fazerem a instalação das peças da composição, porque, além de ser um processo manual e lúdico, é o momento em que a criatividade pode se aflorar e uma composição exclusiva e personalizada pode nascer.

Colocar as peças na parede pode não parecer uma atividade fácil, mas garantimos à vocês que é uma das partes mais satisfatórias e, com certeza, é a nossa parte preferida!

Já sabendo que o processo de instalação pode não ser fácil para quem nunca fez, criamos um Manual que explica certinho como instalar, onde colocar os preguinhos e quantos preguinhos vão em cada peça, por exemplo. Fomos a primeira loja a criar o Manual de Instalação das Composições

 

3. Como pregar na parede? 

 

 

Dúvidas frequentes sobre a Composição de Parede:

  • As peças são enviadas separadamente, sendo portanto a instalação e montagem da composição por conta do cliente.
  • Enviamos junto à composição um manual com a foto e todas as instruções para a instalação.
  • As peças são fixadas na parede apenas com pregos finos, ou seja, é possível instalar tanto em DryWall quanto em paredes estruturais.
  • Enviamos junto à composição a quantidade de pregos necessários para a fixação de todas as peças. Fique tranquilo!
  • Fácil instalação e sem sujeira

Valorização do Artesanato Brasileiro

A palha tem I-N-V-A-D-I-D-O a decoração da casa dos brasileiros e, sem dúvida, promete se fortalecer ainda mais nos próximos anos. Afinal, a imensa maioria dessa palha vem do nosso próprio país e traz consigo nossa história e cultura nativa. O interesse crescente por objetos de palha faz parte da reconexão dos brasileiros com sua própria história, terra e recursos naturais. Apreciar a riqueza natural e cultural do Brasil faz parte também do caminho para preservação desses elementos fundamentais da nossa sociedade.

Assim, acreditamos que objetos poderosos de significado e simbolismo são capazes de nos trazer de volta a percepção para o que é essencial e que, muitas vezes, nos escapa na corredia do dia a dia. Confiamos tanto nessa ideia que, para nós, esse tipo de artesanato é como amuleto que no aterra à realidade e ao momento presente, sendo uma lembrança constante de que, às vezes, é necessário parar por um segundo para respirar e nos realinhar com nossa essência, nossos valores humanos e nossas raízes.

charme irresistível das peças Artesanais

Sem dúvida, o processo artesanal na confecção de objetos de palha é responsável pela personalização de cada peça e por suas características únicas, o que não acontece em peças feitas por processos industriais. Cada peça é única, seja dos detalhes que os artesãos fazem nos trançados às nuances das fibras da palha, como se cada objeto tivesse uma assinatura única. Como resultado disso, as peças de palha trazem à decoração um toque especial e personalizado.

 

Veja AQUI mais modelos de Decoração de Parede!

Ficou com dúvida? Clique aqui! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Ancestralidade da Cestaria de Tucumã

Com a ajuda da queridissima Alessandra trouxemos para vocês um pouco mais sobre a ancestralidade da cestaria de tucumã. uma arte linda que vem do Pará direto para o Retrobel e para a casa de vocês. Para os amantes das cestarias as peças são imperdíveis e de um valor cultural intangível.
Nós sempre buscamos trazer produtos diferenciados não só pela própria beleza mas principalmente pelo valor social e cultural que eles tem e representam para o nosso país.

Temos no Brasil os mais diversos tipo e saberes referente ao trançado e as cestarias de palha. E nós como vocês mesmos já sabem somos apaixonadas por esses produtos lindos.

 

Mulheres, Tucumã, Arte e Visibilidade

O Tucumã, palmeira Amazônica abundante na região norte do Brasil, chega a atingir 15 metros de altura, possui o tronco grosso, repleto de espinhos e seu fruto é muito utilizado e apreciado na gastronomia regional.

É com o trançado realizado da fibra do tucumanzeiro que as mulheres ribeirinhas têm a oportunidade de saírem da condição de abandono, invisibilidade e sofrimento – causadas pela  ausência de políticas públicas no habitat onde vivem – e se tornarem visíveis, conhecidas e admiradas pela excelência dos seus trançados por turistas do Brasil e de países do exterior.

Os trançados da Retrobel são das comunidades ribeirinhas que vivem ao longo do rio Arapiuns, lugar de natureza deslumbrante, com cenários esplendorosos, dignos de cartão postal. 

Debaixo da sombra da Castanheira, sob a imensidão do céu azul, ao som dos pássaros típicos da região, mulheres se juntam e se fortalecem. O sol quente na cabeça não lhes rouba a força e esperança de prosseguirem transformando suas vidas e histórias com a arte dos trançados, realizados com maestria e beleza incomparável.

Tudo começa com a colheita da palha. A matéria prima utilizada é o broto do tucumanzeiro. Após serem lavadas e cortadas, são retiradas as fibras que são colocadas ao sol durante três dias.  

Após esse processo, as artesãs se dirigem à mata para colher as folhas, raízes e plantas como o Crajiru, Mangarataia, Urucum e Jenipapo. Em seguida, elas são raladas, piladas e depois colocadas num caldeirão com água num fogo à lenha. Assim que se inicia a fervura é despejado as fibras tingidas. É impressionante o resultado! Grande é a força do colorido dessa alquimia da floresta.

São saberes e fazeres ancestrais que são transmitidos e preservados através da oralidade de geração em geração.

É no trançar da fibra de tucumã que vão nascendo mandalas, cestas, fruteiras, sousplats, bolsas, chapéus e outras peças de beleza incomparáveis.  

Enquanto vão trançando, as mulheres ribeirinhas preservam essa cultura ancestral, tecem novas histórias, saem da condição de invisibilidade e abandono, tecendo e construindo a identidade de artesã, transformando arte e cultura, de modo sustentável, em geração de renda.

Povos da Floresta

 

Os ribeirinhos, são povos tradicionais que vivem, nascem, se criam, sobrevivem e morrem à margem dos rios amazonenses.

Os rios são os seu quintal, sua rua, seu caminho. São os rios que conduzem e guiam o ritmo da vida.

É do rio que se alimentam, se banham, se locomovem. Crianças brincam, vivem rindo e correndo em meio à simplicidade e riqueza da natureza.  Conhecedores da diversidade da flora e fauna, é da mata que obtém as plantas medicinais, além de saberem identificar o canto dos pássaros, o som da floresta , o rastro dos animais.

Todo esse conhecimento popular, é herança  cultural dos  povos nativos que habitavam  o território e são transmitidos de geração em geração.

Quem escreveu esse texto lindo?

Meu nome é Alessandra dos Santos, sou ativista cultural, arte educadora, professora, pesquisadora da cultura popular, indígena, afrobrasileira e africana.
Nasci no Grajaú, bairro periférico da zona sul de SP. Atualmente resido na divisa de Peruíbe e Itariry, municípios de belezas naturais imensuráveis porém, carente de espaços culturais.
Por acreditar que a Poesia e a Arte humanizam, salvam vidas e em razão da ausência de espaços culturais onde resido, eu vivo a minha vida realizando Projetos e Intervenções Culturais nas praças, escolas, espaços públicos que é onde o povo está.
Minha trajetória cultural nas cidades, começou com o Projeto Poesia na Praça, realizado durante três anos, em seguida após longos estudos e pesquisa de campo, montei o espetáculo: Jornada de Cordel Amor, esse projeto rodou um ano nas escolas públicas, em seguida montei a Exposição: Memórias e Vivências Indígenas e Africanas, que foi inédita nos bairros carentes e escolas da região. Atualmente estou realizando pesquisa, estudos e garimpando o acervo para o próximo projeto: Exposição Gente de Fibra, que será realizada em 2021.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blog cestaria indigena

Comprar Cestaria Indígena

A cestaria Indígena faz parte de uma seleção de produtos muito especial e repleta de valores simbólicos do nosso Brasil! A Retrobel acredita que decorar ambientes com artesanato indígena vai muito além da estética. E trabalhar com esses produtos nos mostrou ainda mais a importância de valorizar e preservar nossa cultura brasileira.

Acreditamos que objetos poderosos de significado e simbolismo são capazes de nos trazer de volta a percepção para o que é essencial. Confiamos tanto nessa ideia que, para nós, a Cestaria Indígena são como amuletos que nos aterram à realidade e ao momento presente, sendo uma lembrança constante de que, às vezes, é necessário parar por um segundo para respirar e nos realinhar com nossa essência, nossos valores humanos e nossas raízes.

cestaria indígena

Material:
* Fibra natural de arumã (Ischnosiphon spp.)

Cor:
* Coloração natural de carvão queimado e urucum.
* Por ser uma peça feita a partir de matéria prima natural, podem haver variações na cor da palha.

 

Mas, então, como decorar com essas peças tão especiais?

 

Sem dúvida, a Cestaria Indígena Baniwa possui peças bem versáteis! Podem ser usadas tanto em composições de parede quanto em cima de aparadores servindo como cesto e também compondo a decoração em nichos.

Por serem feitos de materiais naturais, as Cestarias Indígenas harmonizam perfeitamente com uma decoração mais intimista e naturalista, onde elementos completamente diferentes podem se misturar e formar composições únicas e incríveis!  Objetos de palha, flores secas e até peças antigas que carregam forte lembrança afetiva são capazes de deixar seu ambiente bem aconchegante e original.

 

Veja dicas de como decorar sua parede com Balaio Indígena Baniwa

 

Arte Baniwa: cultura, autonomia e sustentabilidade

 

A cultura Baniwa reúne um complexo cultural de mais de 20 povos indígenas diferentes, que vivem majoritariamente à margem dos rios, na fronteira do Brasil com a Colômbia e Venezuela.

Tradicionalmente, as Cestarias Indígenas Baniwa são utilizadas pelos povos Baniwa de diversas formas: para armazenamento e manuseio de alimentos, para presentear seus pares em rituais e até para oferecer como cesta de alimentos.

O projeto nasceu através da parceria de três organizações* sob demanda das próprias comunidades indígenas do Alto do Rio Negro ,com o intuito de proporcionar maior autonomia financeira e social às comunidades. Através dos projetos , os artesanatos são comercializados diretamente com os artesãos responsáveis, mantendo todo seu valor cultural e ambiental agregado preservados.

A comercialização dos artesanatos através dessa parceria implica uma profunda mudança no modo como os artesãos se inserem nesse processo e, atualmente, o projeto representa uma alternativa econômica viável e sustentável para a preservação dessas comunidades e também da floresta.

Como exemplo, os artesanatos Baniwa só são produzidos nas horas em que não estão dedicando seus esforços e trabalhos em prol da aldeia, ou seja, o processo artesanal não é feito em escala massificada e o tempo de produção varia de acordo com os afazeres da população.

*Organização Indígena da Bacia do Içana (Oibi), a Federação de Organizações Indígenas do Rio Negro (Foirn) e o Instituto Socioambiental (ISA)

Matéria prima da Arte Baniwa

 

São diversas espécies de plantas utilizadas para os artesanatos Baniwa, mas, popularmente, são chamadas de “arumã”. O processo artesanal dos Baniwa é completamente dependente do arumã e, assim, esses povos aprenderam a fazer sua coleta sem comprometer o crescimento e propagação dos arumãs, ou seja, estabeleceram um ciclo fechado e sustentável com essas plantas.

Viver sob tais práticas diz muito sobre os significados e os usos dos artesanatos, que também são usados pela população local para a realização das tarefas diárias. Tradicionalmente, os artesanatos de fibra de arumã são feitos (da colheita ao trançado das fibras) pelos homens das aldeias enquanto que são mais utilizados pelas mulheres no processamento e armazenamento dos alimentos.

 

Valorização do Artesanato Brasileiro

O artesanato brasileiro é valorizado mundo afora, mas muitas vezes acaba despercebido pelos próprios brasileiros. Apaixonada por esses ícones da brasilidade, a Retrobel acredita em toda a identidade cultural impressa no artesanato brasileiro e busca incentivá-lo com todo o respeito e valorização que lhes é merecido.

 

Veja aqui outros modelos de Decoração de Parede!

Ficou com dúvida? Clique aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.